Nos últimos anos os brasileiros tem procurado mais por imóveis para comprar no exterior, principalmente nos Estados Unidos, a procura tem crescido a cada ano, devido a redução dos preços lá, as oportunidades estão aumentando. Segundo dados da National Assossiation of Realtor, o Brasil foi listado como o sétimo pais que mais investiu em imóveis nos Estados Unidos em 2019

Investir em imóveis nos Estados Unidos é uma boa opção para quem quer diversificar seus investimentos, porém é preciso ter cuidado para que não ocorra imprevistos.

Todas as negociações de imóveis realizadas nos Estados Unidos, são feitas por meio das Title Companies (Companhias de Títulos), que são compostas por advogados autorizados a realizarem transações no mercado imobiliário e que são responsáveis a realizar todos os procedimentos necessários para que a transação de venda/compra seja legal e obedeça as leis vigentes.

Primeiros passos para comprar um imóvel nos Estados Unidos

– Documentação

É preciso tirar o visto e um passaporte, e mesmo que já tenha, é necessário verificar se estão dentro do prazo de validade, além de comprovação de renda que seja combatível com o imóvel escolhido.

Nos Estados Unidos existem muito menos burocracia, na contramão do que acontece no Brasil. A documentação exigida para estrangeiros é mínima, aonde você só precisa é possuir um passaporte e visto válido, e a comprovação de renda que comprove condições de pagar pelo imóvel. Para comprar a renda nos Estados Unidos, você pode apresentar a declaração de imposto de renda ou simplesmente um extrato bancário.

– Possui conta bancária nos Estados Unidos

Para abrir uma conta nos Estados Unidos é preciso apenas de uma cópia do passaporte e um depósito mínimo de US$ 100,00 dolares, e em muitos casos nem é preciso sair do Brasil para abrir a conta, pois você pode contratar um corretor que indicará um banco parceiro e lhe auxiliará em todo processo.

Assim como no Brasil, cada banco nos Estados Unidos tem sua tarifas para manutenção da conta, aonde na maioria dos casos a taxa mensal é de US$ 10,00 para contas com saldo médio inferior a US$ 1,5 mil, lhe dando direito a um cartão para compras e saques.

– Transferir valores

Para realizar uma transferência de dinheiro por exterior sem burocracia, basta apenas que as contas sejam da mesma titularidade e você comprove a origem do dinheiro para os bancos Brasileiros.

No caso de transferência de fundos para compra de imóvel, é necessário que a conta aberta nos Estados Unidos seja aprovada pelo Banco Central Brasileiro, obedecendo suas regras.

Quando o objetivo é a compra de um imóvel nos Estados Unidos, o Banco Central permite que a pessoa compra dólares pelo câmbio oficial, acrescentado de mais o IOF de 0.38%. Esse procedimento de compra pode ser feito direto com o gerente do banco no qual estão alocados suas economias, e vale ressaltar que para essa transação não há limite de remessa de dólares.

Nenhum imposto deverá ser pago para a transferência de fundos, nem por parte Brasil, nem pelos Estados Unidos, aonde é apenas cobrado o IOF de 1,10%. (https://www.remessaonline.com.br/blog/como-comprar-imovel-nos-estados-unidos/)

– Escolhendo o parceiro e o imóvel

Um ponto importante que devemos ressaltar, é que nos Estados Unidos não é possível comprar um imóvel sem a participação de profissional autorizado a realizar a venda e acompanhar todo o processo.

Você pode buscar por empresas especializadas em atender Brasileiros, que é o caso da Melleh Law Firm. Muitas corretoras possuem corretores nativos do Brasil e que trabalham por lá, ou corretores americanos que falam o português.

Diferente do Brasil aonde cada corretora possui acesso a determinados imóveis, nos Estados Unidos qualquer corretor que você escolher, terá acesso a todos os imóveis disponíveis no País, não sendo necessário procurar vários corretores para encontrar imóveis diferentes.

Formas de Pagamentos

Para comprar um imóvel nos Estados Unidos, você tem duas formas de pagamento: a vista com recursos próprios ou a prazo por meio de um financiamento imobiliário.

Compra de imóvel à vista nos Estados Unidos

Como em qualquer lugar o pagamento a vista torna o processo mais simples e rápido, bastando apenas apresentar cópia do passaporte e comprovante de renda.

Toda a transação é feita por um advogado responsável por analisar e validar todos os requisitos necessários para que a transação ocorra dentro das leis, assim como cuidar de todo o processo de compra, documentação, pagamento ao vendedor e transferência de titularidade.

Compra de imóvel a prazo nos Estados Unidos

Para a realização de uma compra a prazo é necessário a apresentação de documentos adicionais para que seja analisado a possibilidade do empréstimo. Por isso é importante informar qual será sua forma de pagamento assim que for feito o primeiro contato com o corretor, para que ele possa lhe assessorar em todo o processo de apresentação dos documentos necessários as Instituições Financeiras.

Nos Estados Unidos geralmente o financiamento é bem facilitado, mais nem todos os imóveis se qualificam para serem financiados e para isso um corretor poderá lhe auxiliar a encontrar um imóvel que seja possível financiar.

Riscos de comprar um imóvel nos Estados Unidos

– Imposto de herança de 48%

Um dos problemas, caso a compra de um imóvel não seja bem planejado, é a tributação. Nos Estados Unidos, na transmissão de bens por herança tem de pagar um imposto de 48%, mais isso pode ser evitado se a dona do imóvel for uma empresa familiar e for realizado um bom planejamento patrimonial. Em caso de falecimento do proprietário, as cotas da empresa são divididas entre os filhos sem a necessidade de pagar o imposto.

 – Imóveis para morar ou alugar

Se você deseja comprar um imóvel para investimento, é preciso avaliar não só o valor do imóvel e quanto ele pode render de aluguel, mais os diversos outros cursos que podem influenciar se o imóvel é lucrativo ou não. Custos como impostos, condomínios, seguros e manutenção podem tornar pouco lucrativo o investimento.

Antes de comprar um imóvel para alugar, analise junto ao seu corretor as melhores opções para esse tipo de investimento. Procure por imóveis em locais que possuem uma procura maior por imóveis para aluguel, principalmente regiões que possuem mais trabalhadores.

– Condomínio e IPTU

Nos Estados Unidos, se um imóvel ficar vazio por mais de seis meses o banco deixar de pagar o imposto predial (IPTU) e o condomínio, ficando assim essa pendência para o comprador. Por isso pesquisa bem sobre o imóvel de seu interesse, veja quanto tempo ele está disponível para compra, para que possa prever esses custos adicionais.

4 motivos para comprar um imóvel nos estados unidos

– Os imóveis apreciam ao longo prazo

– Nos EUA, os juros da sua hipoteca podem ser deduzidos no imposto de renda

– Em uma emergência, você pode usar sua casa para pegar um empréstimo

– O pagamento da hipoteca é uma forma automática de fazer economia

Ao comprar um imóvel nos Estados Unidos, se ganha o Green Card?

Uma dúvida muito frequente de quem está procurando imóveis nos Estados Unidos, é saber se ao comprar um imóvel lhe dará direito a conseguir um Green Card, porém esse benefício não existe.

Existem diversas formas e vistos que são oferecidos para quem realiza um investimento no país, o que lhe permite ter um visto com maior prazo de permanência, porém a compra de um imóvel não tem ligação nenhuma com seu status de imigração.

O Visto EB-5 (Immigrant Investor Program – Programa de Imigrantes Investidores) é o único visto que dá o direito ao Green Card e cidadania americana no futuro.

Fontes:

https://exame.abril.com.br/seu-dinheiro/os-riscos-de-comprar-um-imovel-nos-estados-unidos/

https://www1.folha.uol.com.br/sobretudo/morar/2017/01/1847772-estados-unidos-lideram-vendas-de-imoveis-para-brasileiros-no-exterior.shtml

http://www.legacyplusrealty.com/blog/comprar-um-imovel-nos-estados-unidos/

6

Write a Comment